Entrevista com a Nutricionista Infantil Fernanda Monteiro

Estamos sempre preocupados com a saúde dos nossos filhos. A saúde da criança está diretamente relacionada com sua alimentação. Uma alimentação saudável e bons hábitos alimentares tem de ser formados desde cedo! Sempre busco informações. Numa dessas andanças conheci o trabalho de uma Nutri Infantil e me apaixonei seu nome é Fernanda Monteiro e ela hoje participa do Blog respondendo algumas perguntas! As respostas com certeza irão ajudar muitos pais e muitas crianças!

image1A Fernanda é Nutricionista, especialista em Nutrição Pediátrica e tem um perfil no Instagram o @nutri_infantil onde posta sobre seu trabalho (confiram eu sigo e amo!)

Vamos lá?

20 Minutos Pra Tudo : Fale um pouco do seu trabalho, por que você se quis se especializar em Nutrição Infantil?

  • Fernanda: “Logo que formei, trabalhei com saúde pública, depois de um tempo fiz uma pós graduação em Administração de Restaurante Industrial, fui trabalhar na Rede Globo de Ribeirão Preto. Meu marido passou na residência em Sorocaba e tivemos que mudar, logo engravidei da Letícia. Letícia teve refluxo de grau bem elevado, a pediatra dela me orientou que não a colocasse em creche e que EU seria a melhor pessoa para cuidar dela naquele momento. Foi o que fiz! Abri mão da minha profissão e fui cuidar exclusivamente de Letícia. Quando comecei a alimentação complementar, confesso que fiquei um pouco perdida, pois durante a graduação quase não temos nutrição pediátrica. E foi nessa hora que resolvi procurar uma pós em Nutrição Pediátrica. Fiz minha pós em São Paulo, a teoria das aulas com a prática que eu tinha em casa fez eu amar cada vez mais este mundo da nutrição infantil.Confesso que no começo quando tive que “largar” minha profissão para ficar exclusivamente com a Letícia me senti um pouco incomodada. Mas meu marido me ajudou muito, sempre me apoiou nas decisões. Depois de um tempo consegui ver que foi a melhor escolha. Faria tudo de novo!

20 Minutos Pra Tudo :Quais os piores hábitos alimentares que você tem visto em crianças?

  • Fernanda: “O que me entristece é ver que é mais fácil dar um salgadinho de pacotinho para uma criança do que fazer um lanche saudável, mais fácil comprar uma coca ou suco de caixinha do que espremer 2 laranjas.Vejo diariamente crianças no meu consultório consumindo, refrigerantes, suco de caixinha, doces, embutidos (presunto, mortadela, salaminho) e comendo excessivamente carboidrato (pães, pizza, bolinhos industrializados, biscoitos açucarados, entre outras coisas).Quero ressaltar também sobre as crianças que ficam com os avós nos períodos que os pais estão trabalhando. A minha realidade no consultório é que mais ou menos 80% dos avós contribuem para hábitos alimentares ruins.”

20 Minutos Pra Tudo: Qual é, na sua opinião, o maior motivo do aumento tão preocupante da obesidade infantil?

  • Fernanda: “Hábitos alimentares errados e sedentarismo.A tecnologia tomou conta da infância, a maioria das crianças abrem mão de andar de bicicleta para ficar com um ipad ou iphone na mão. Os pais precisam colocar regras de horários. Além disso, acho que tem que ter um incentivo para a prática de alguma atividade física. Conversar com a criança sobre o esporte que ela gosta e motivar para que ela continue. Pois é muito comum ver crianças entrarem em determinada atividade física e logo querer sair.”

20 Minutos Pra Tudo:Por que é tão importante criar bons hábitos alimentares na infância?

  • Fernanda: “Os hábitos alimentares são formados na gestação. Um bebê/criança que foi educado a comer saudável com certeza vai ser um adulto saudável. Suas escolhas alimentares quando adulto vão refletir o que  ele comia quando criança. A prevenção de muitas doenças (diabetes, obesidade, hipertensão, hipercolesterolemia ,etc) começam pelos hábitos alimentares. A prevenção é o melhor remédio!”

20 Minutos Pra Tudo:Qual a maior dificuldade para os pais encontram para manter uma alimentação saudável para os filhos?

  • Fernanda: “No mundo atual percebo que o ritmo de vida dos pais têm muita influência. O que mas escuto é que eles não tem tempo para preparar os lanches. Que muitas vezes os industrializados prontos ficam mais práticos. Concordo que a correria é grande, mas existem maneiras de se programar para manter a alimentação dos filhos saudável. Um exemplo é fazer um cardápio semanal ou quinzenal de lanches, principalmente lanche da escola, onde é a maior dificuldade dos pais. Aos finais de semana faça preparações saudáveis e se possível congele para os dias uteis.”

20 Minutos Pra Tudo:Vejo que muitos pais tem dificuldade em preparar as lancheiras para a escola, Você pode nos dar algumas orientações sobre como montar um lanche saudável?

  • Fernanda: “A lancheira deve conter 1 alimento de cada grupo: * Energéticos (pãezinhos integrais, nugguets caseiro, tortas de legumes, tapioca, etc) * Reguladores (frutas, sucos, geleias, etc) * Construtores (leite, requeijão, iogurte, etc).As frutas devem ser enviadas todos os dias, mesmo que a criança não coma. As frutas que tem a possibilidade de enviar cortadas, invista em cortadores com formas, é um atrativo para a criança. Coloque metas para criança, tipo: comer a fruta do lanche 2 vezes por semana. Depois de atingida vá aumentando os dias.Varie o tipo de suco todos os dias, a dica é fazer cubinhos de fruta (polpa) ao finais de semana, isto facilita na hora da preparação. EVITE ao máximo de enviar suco de caixinha.Uma lancheira atrativa e uma boa conversa de incentivo é fundamental para o sucesso!”
Anúncios

24 comentários sobre “Entrevista com a Nutricionista Infantil Fernanda Monteiro

  1. Juliana disse:

    Amei a entrevista.
    A Fernanda falou tudo, os pais na correria do dia-a-dia, preferem investir nos alimentos práticos, aos saudáveis, pela praticidade…
    E os avós esquecem que quando eles cuidam, passam a ser os responsáveis, e não se dão conta, que não são mais apenas os avós, que veem os netos de vez em quando, podendo fazer um agradinho com guloseimas… Que são os cuidadores e precisam cuidar da alimentação e com certeza até da educação…
    Por isso nunca deixei meu filho ser cuidado pelas avós, porque assim não privo de eles apenas curtir, mimar e agradar o neto…
    Adorei o bate-papo.
    Bjs
    Ju
    http://www.maesemfronteiras.com.br/

    Curtir

  2. acowp disse:

    Ótima entrevista, e realmente hoje em dia as pessoas buscam mais facilidades e consequentemente coisas que não fazem nenhum bem ás crianças.

    É importante parar para refletir nessas coisas, pois é a saúde das crianças que estão sujeitas á obesidade, diabetes, etc..

    Grande beijo
    http://www.amaedadri.com/

    Curtir

Conte aqui o que você achou do texto!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s